7 de setembro de 2017

365 Agosto

Este post nem sequer merece o título que os seus antepassados tiveram. Este foi até agora o mês que menos fotografei, tenho apenas 7 fotos e nem assim são decentes para as mostrar todas. Mesmo assim, algo me faz continuar a mexer neste projecto. Esse algo é, provavelmente, aquele sentimentozinho lá guardadozinho que me diz que se fizer isto não tenho a minha vida toda do avesso e manter isto faz de mim uma pessoa minimamente organizada ? 

Agosto foi francamente um mês horrível. Chatices, discussões e pela primeira vez senti os efeitos físicos do stress num nível que eu desconhecia. As frustrações, a preguiça e a desmotivação aliadas a isto resultaram num bolo seco, daqueles que estão há dias numa padaria manhosa e ninguém vai pegar nele, mas eu como-o na mesma.







6 de agosto de 2017

365 Julho


Julho foi um mês de explorar sítios e vivências. Sítios é fácil de perceber, um pouco a norte, um pouco a sul, fui conhecendo melhor a minha terra mas também andei pelo Algarve, pelas Caldas da Rainha e Nazaré. 
Além dos sítios, este mês senti-me um bocado como alguém que vê a vida dos outros, sente que sabe o que fazer segundo a experiência dos outros mas quando chega o momento de fazer o mesmo, há sempre coisas novas a mexer. 
Quem me segue no meu instagram e/ou no da Jinger's soube que fiz um desfile da minha coleção com as peças de Verão. Se visitarem o último insta podem ver as fotos do mesmo mas, mais tarde trarei um post dedicado a isso.






Esta foto não é minha, o autor é Marques Ricardo









13 de julho de 2017

365 Junho

Não morri, ainda. É a primeira vez que atraso tanto esta rubrica que já vai no seu 4º ano. Preguiça, andar longe do computador e a já comum falta de tempo juntaram-se e atacaram-me. ''Ai esqueci-me do 365!'' - pensei eu, enquanto caía pro lado de sono. Mas hoje estou cá - mais vale tarde que nunca não é?


No Serralves em festa















Para um mês até bastante preenchido, admira-me ter tirado tantas fotos, mas é verdade que também estive em vários sítios que mereceram essas fotos. Desde o Serralves em Festa ao Trengo no Palácio de Cristal, o primeiro dia de praia, os mercados que faço e a visita à feira, se tiver atenta há sempre algo que me faça sacar a máquina da mochila.
Este mês está cheio de coisas. Volto aos mercados e vou de férias, mas acho que ainda volto cá antes do próximo 365!

6 de junho de 2017

365 Maio

Em Maio resolvi ir ao médico e descobri que tinha o colesterol alto, rinite alérgica e fui lembrada que tenho um estilo de vida péssimo pras minhas contraturas e saúde mental. Resolvi inscrever-me na natação, no ioga e pilates. Passou um mês e não me inscrevi em nada claro, mas já resolvi alguns problemas - um bocadinho de cada vez, sem stresses.
Foi mês de trabalhinho duro, com calor e visitas à praia e uma ventania que não parou e me lixou a garganta.
Já só vejo férias e uns dias para acabar um rolo da minha analógica!







19 de maio de 2017

Jeans

I lost my mojo. It's a pain in the ass when you feel like you, somehow, lost something that you always had, for as long as you remember. For me it's dressing up. No matter which style, I always had a blast choosing my outfits, making up charaters and in the recent years, making the clothes. I was trying to avoid thinking about it - it just made it real - but it's there, obvious, in my face.
This may seem unimportant but makes me sad. I make excuses like '' I can't really look good in this stupid weather'', '' I need to be comfortable working'', but on a sunny day of Spring, and having a closet crazy full, no excuses there.

These are my last ootd pictures and they are a few weeks old. I'm wearing jeans, not vintage jeans, basic pants and that's new. Pants are confy, I forgot it!





~






8 de maio de 2017

365 Abril

Olhando para as fotos deste mês, só vejo as coisas boas de Abril. O meu eu fotográfico deve ter uma memória selectiva.
A partir deste post deverão ver muitas fotos dos meus mercados porque nos meses de bom tempo costumo assumir a Inês feirante mais vezes que o costume. Foi também durante estes dias que descobri um passadiço ao lado da minha loja, com direito a um rio poluído pelas indústria têxteis da zona!